Bordados, arte, artesanato, cores , decoração... A vida bordada, pintada e trabalhada!!
Expressão da percepção de vida, sentimentos e reações.
De tudo, um pouco. Alegria de viver!!!!

4 de abril de 2014

Lindos arranjos!!

Quantas vezes queremos mudar o ambiente e não sabemos como? Pequenos detalhes são grandes ferramentas nestas horas.
A criatividade é realmente transformadora!

As fotos foram tiradas na Internet.
Sites: www.blogdocasamento.com.br
www.podagaita.com
www.casamentoclick.com.br
www.vilamulher.com.br








Aí estão o encantamento da simplicidade e o arrebatamento instantâneo da beleza das flores!!!!

3 de abril de 2014

Decoração Rústica!!

Que cantinhos deliciosos e aconchegantes!



As almofadas em chita bordadas no sofá claro ficaram muito charmosas!!!! E as mesas de centro feitas de madeira de demolição....lindas!!!!

Fotos:www.minhacasarustica.com.br
Projeto do arquiteto Toninho Noronha

2 de abril de 2014

Um pedacinho de céu!

Nas grandes cidades, para quem mora em apartamentos, poder desfrutar de uma cobertura, de uma área externa ou mesmo uma varanda é um privilégio!!
O grande segredo é a ambientação desses espaços e aqui vão algumas sugestões:

Foto:http://revistacasaejardim.globo.com/
Projeto do paisagista Aglaê Mazorra Fernandes

Foto:http://revistacasaejardim.globo.com/
Projeto do arquiteto e paisagista Rubens de Almeida

Foto:Blog Quintal Di Casa / quintaldicasa.blogspot.com.br

Foto:Blog Quintal Di Casa / quintaldicasa.blogspot.com.br

Foto:Blog Quintal Di Casa / quintaldicasa.blogspot.com.br

Foto:Blog Quintal Di Casa / quintaldicasa.blogspot.com.br

Foto:A MULHER E O MUNDO / amulhereomundo.blogspot.com.br

1 de abril de 2014

Lugares marcantes




Há lugares que marcam nossas vidas.....
Tive uma infância muito feliz. As férias eram sonhadas meses antes e ainda era comum "a casa da Vovó", que atualmente, para muitos nunca existiu, ou então transformou-se em "apartamento da Vovó"!Coloco aqui, dois verdadeiros cartões postais: a casa da minha avó e o coreto da cidade onde ela morava. Atualmente vou lá com frequência bem menor, mas na infância, passávamos todos lá os meses de férias escolares (julho, dezembro, janeiro e fevereiro). Tempos que não voltam mais....

O inacabado que há mim

Eu me experimento inacabado. Da obra, o rascunho. Do gesto, o que não termina. Sou como o rio em processo de vir a ser. A confluência de outras águas e o encontro com filhos de outras nascentes o tornam outro. O rio é a mistura de pequenos encontros. Eu sou feito de águas, muitas águas. Também recebo afluentes e com eles me transformo.
O que sai de mim cada vez que amo? O que em mim acontece quando me deparo com a dor que não é minha, mas que pela força do olhar que me fita vem morar em mim? Eu me transformo em outros? Eu vivo para saber. O que do outro recebo leva tempo para ser decifrado. O que sei é que a vida me afeta com seu poder de vivência. Empurra-me para reações inusitadas, tão cheias de sentidos ocultos. Cultivo em mim o acúmulo de muitos mundos.
Por vezes o cansaço me faz querer parar. Sensação de que já vivi mais do que meu coração suporta. Os encontros são muitos; as pessoas também. As chegadas e partidas se misturam e confundem o coração. É nessa hora em que me pego alimentando sonhos de cotidianos estreitos, previsíveis.
Mas quando me enxergo na perspectiva de selar o passaporte e cancelar as saídas, eis que me aproximo de uma tristeza infértil. Melhor mesmo é continuar na esperança de confluências futuras. Viver para sorver os novos rios que virão. Eu sou inacabado. Preciso continuar.
Se a mim for concedido o direito de pausas repositoras, então já anuncio que eu continuo na vida. A trama de minha criatividade depende deste contraste, deste inacabado que há em mim.
Um dia sou multidão; no outro sou solidão. Não quero ser multidão todo dia. Num dia experimento o frescor da amizade; no outro a febre que me faz querer ser só. Eu sou assim. Sem culpas.

(Padre Fábio de Melo)

31 de março de 2014

Por aí

Hoje, nas minhas andanças virtuais, encontrei coisas lindas, diferentes, que valorizam trabalhos manuais e artesanatos!

No site http://casandoembh.com.br encontrei esses lindos banquinhos!!


E estes enfeites...maravilhosos!!

Créditos desta fotografia: Lutterback Fotografia

E o lindo souplat de crochet!


Esta almofada, encontrei no http://reformafacil.com.br


Como esses puffs ficaram lindos!!!!!

Site: http://fmm.com.br

E, por fim, os quadros em crochet do site http://balaiodegatobyvaldasouza.blogspot.com.br

SAWABONA!!!


Há uma "tribo" africana que tem um costume muito bonito.
Quando alguém faz algo prejudicial e errado, eles levam a pessoa para o centro da aldeia, toda a tribo vem e o rodeia. Durante dois dias, eles vão dizer ao homem todas as coisas boas que ele já fez.
A tribo acredita que cada ser humano vem ao mundo como um ser bom. Cada um de nós desejando segurança, amor, paz, felicidade. Mas às vezes, na busca dessas coisas, as pessoas cometem erros.
A comunidade enxerga aqueles erros como um grito de socorro.
Eles se unem então para erguê-lo, para reconectá-lo com sua verdadeira natureza, para lembrá-lo quem ele realmente é, até que ele se lembre totalmente da verdade da qual ele tinha se desconectado temporariamente: "Eu sou bom".
Sawabona Shikoba!
SAWABONA, é um cumprimento usado na África do Sul e quer dizer:
"Eu te respeito, eu te valorizo. Você é importante pra mim"
Em resposta as pessoas dizem SHIKOBA,que é:
"Então, eu existo pra você"

Retirado da Internet

28 de outubro de 2010

Simplifique sua vida!! (Pe Fábio de Melo)

Tudo o que é belo tende a ser simples. Afirmação generalizante? Não sei. O que sei é que a beleza anda de braços dados com a simplicidade. Basta observar a lógica silenciosa que prevalece nos jardins. Vida que se ocupa de ser só o que é. Não há conflito nas bromélias, não há angústia nas rosas, nem ansiedades nos jasmins. Cumprem o destino de florirem ao seu tempo e de se despedirem do viço quando é chegada a hora. São simples. Não querem outra coisa, senão a necessidade de cada instante. Não há desperdício de forças, não há dispersão de energias. Tudo concorre para a realização do instante. Acolhem a chuva que chega e dela extraem o essencial. Recebem o sol e o vento, e morrem ao seu tempo. Simplicidade é um conceito que nos remete ao estado mais puro da realidade. A semente é simples porque não se perde na tentativa de ser outra coisa. É o que é. Não desperdiça seu tempo querendo ser flor antes da hora. Cumpre o ritual de existir, compreendendo-se em cada etapa. Já dizia o poeta: "Simplicidade é querer uma coisa só". Eu concordo com ele. O muito querer nos deixa complexos demais. Queremos muito ao mesmo tempo, e então nos perdemos no emaranhado dos desejos. Há o risco de que não fiquemos com nada, de que percamos tudo. Aquele que muito quer corre o risco de nada ter, porque o empenho e o cuidado é que faz a realidade permanecer. O simples anda leve. Carrega menos bagagem quando viaja, e por isso reserva suas energias para apreciar a paisagem. O que viaja pesado corre o risco de gastar suas energias no transporte das malas. Fica preso, não pode andar pelo aeroporto, fica privado de atravessar a rua e se transforma num constante vigilante do que trouxe. A simplicidade é uma forma de leveza. Nas relações humanas ela faz a diferença. O que cultiva a simplicidade tem a facilidade de tornar leve o ambiente em que vive. Não cria confusão por pouca coisa; não coloca sua atenção no que é acidental, mas prende os olhos naquilo que verdadeiramente vale à pena. Pessoas simples são aquelas que se encantam com as coisas menores. Sabem sorrir diante de presentes simbólicos e sem muito valor material. A simplicidade lhe capacita para perceber que nem tudo precisa ter utilidade. E por isso é fácil presentear o simples. Dar presentes aos complicados é um desafio. Não sabemos o que eles gostam, porque só na simplicidade é possível conhecer alguém. Só depois que as máscaras caem pelo chão e que os papéis são abandonados a gente tem a possibilidade de descobrir o outro na sua verdade. Eu gostaria de me livrar de meus pesos. Queria ser mais leve, mais simples. Querer uma coisa só de cada vez. Abandonar os inúmeros projetos futuros que me cegam para a necessidade do momento. Projetos futuros valem à pena, desde que sejam simples, concretos e aplicáveis. Não gostaria que a morte me surpreendesse sem que eu tivesse alcançado a simplicidade. Até para morrer os simples têm mais facilidade. Sentem que chegou a hora, se entregam ao último suspiro e se vão. Tenho uma intuição de que quando eu simplificar a minha vida, a felicidade chegará em minha casa, quando eu menos esperar. Padre Fábio de Melo

19 de junho de 2010

HOJE É TEMPO DE SER FELIZ!

A vida é fruto da decisão de cada momento. Talvez seja por isso, que a idéia de plantio seja tão reveladora sobre a arte de viver.
Viver é plantar. É atitude de constante semeadura, de deixar cair na terra de nossa existencia as mais diversas formas de sementes.
Cada escolha, por menor que seja, é uma forma de semente que lançamos sobre o canteiro que somos. Um dia, tudo o que agora silenciosamente plantamos, ou deixamos plantar em nós,será plantação que poderá ser vista de longe...
Para cada dia, o seu empenho. A sabedoria bíblica nos confirma isso, quando nos diz que "debaixo do céu há um tempo para cada coisa!"
Hoje, neste tempo que é seu, o futuro está sendo plantado. As escolhas que você procura, os amigos que você cultiva, as leituras que você faz, os valores que você abraça, os amores que você ama, tudo será determinante para a colheita futura.
Felicidade talvez seja isso: alegria de recolher da terra que somos, frutos que sejam agradáveis aos olhos!
Infelicidade, talvez seja o contrário.
O que não podemos perder de vista é que a vida não é real fora do cultivo. Sempre é tempo de lançar sementes... Sempre é tempo de recolher frutos. Tudo ao mesmo tempo. Sementes de ontem, frutos de hoje, Sementes de hoje, frutos de amanhã!
Por isso, não perca de vista o que você anda escolhendo para deixar cair na sua terra. Cuidado com os semeadores que não lhe amam. Eles têm o poder de estragar o resultado de muitas coisas.
Cuidado com os semeadores que você não conhece. Há muita maldade escondida em sorrisos sedutores...
Cuidado com aqueles que deixam cair qualquer coisa sobre você, afinal, você merece muito mais que qualquer coisa.
Cuidado com os amores passageiros... eles costumam deixar marcas dolorosas que não passam...
Cuidado com os invasores do seu corpo... eles não costumam voltar para ajudar a consertar a desordem...
Cuidado com os olhares de quem não sabe lhe amar... eles costumam lhe fazer esquecer que você vale à pena...
Cuidado com as palavras mentirosas que esparramam por aí... elas costumam estragar o nosso referencial da verdade...
Cuidado com as vozes que insistem em lhe recordar os seus defeitos... elas costumam prejudicar a sua visão sobre si mesmo.
Não tenha medo de se olhar no espelho. É nessa cara safada que você tem, que Deus resolveu expressar mais uma vez, o amor que Ele tem pelo mundo.
Não desanime de você, ainda que a colheita de hoje não seja muito feliz.
Não coloque um ponto final nas suas esperanças. Ainda há muito o que fazer, ainda há muito o que plantar, e o que amar nessa vida.
Ao invés de ficar parado no que você fez de errado, olhe para frente, e veja o que ainda pode ser feito...
A vida ainda não terminou. E já dizia o poeta "que os sonhos não envelhecem..."
Vai em frente. Sorriso no rosto e firmeza nas decisões.
Deus resolveu reformar o mundo, e escolheu o seu coração para iniciar a reforma.
Isso prova que Ele ainda acredita em você. E se Ele ainda acredita, quem sou eu pra duvidar... (?)

(Padre Fábio de Melo)

28 de dezembro de 2009

FELIZ OLHAR NOVO!
(Carlos Drummond de Andrade)
O grande barato da vida é olhar para trás e sentir orgulho da sua história.
O grande lance é viver cada momento como se a receita da felicidade fosse o AQUI e o AGORA. Claro que a vida prega peças. É lógico que, por vezes, o pneu fura, chove demais... Mas, pensa só: Tem graça viver sem rir de gargalhar pelo menos uma vez ao dia? Tem sentido ficar chateado durante o dia todo por causa de uma discussão na ida pro trabalho?
Tá certo, eu sei, Polyanna é personagem de ficção e hiena come porcaria e ri, eu sei.
Não quero ser cego, burro ou dissimulado. Quero viver bem.
2009 foi cheio de coisas boas e realizações, mas também cheio de problemas e desilusões. Normal!
Às vezes se espera demais das pessoas.
Normal!
A grana que não veio, o amigo que decepcionou, o amor que acabou. Normal!
2010 não vai ser diferente.
Muda o século, o milênio muda, mas o homem é cheio de imperfeições, a natureza tem sua personalidade que nem sempre é a que a gente deseja, mas e aí? Fazer o quê? Acabar com seu dia? Com seu bom humor? Com sua esperança?
O que eu desejo para todos nós é SABEDORIA! E que todos saibamos transformar tudo em uma boa experiência! Que todos consigamos perdoar o desconhecido, o mal educado. Ele passou na sua vida. Não pode ser responsável por um dia ruim...
Entender o amigo que não merece nossa melhor parte. Se ele decepcionou, passe-o para a categoria 3, a dos amigos. Ou mude de classe, transforme-o em colega. Além do mais, a gente, provavelmente, também, já decepcionou alguém.
O nosso desejo não se realizou? Beleza, não tava na hora, não deveria ser a melhor coisa para aquele momento.
(lembro-me sempre de um lance que eu adoro: CUIDADO COM SEUS DESEJOS, ELES PODEM SE TORNAR REALIDADE).
Chorar de dor, de solidão, de tristeza faz parte do ser humano. Não adianta lutar contra isso. Mas se a gente se entende e se permite olhar o outro e o mundo com generosidade, as coisas ficam diferentes.
Desejo para todo mundo esse olhar especial.
2010 pode ser um ano especial, muito legal, se entendermos nossas fragilidades e egoísmos e dermos a volta nisso. Somos fracos, mas podemos melhorar. Somos egoístas, mas podemos entender o outro.
2010 pode ser o bicho, o máximo, maravilhoso, lindo, espetacular... Pode ser puro orgulho! Depende de mim, de você!
Pode ser.E que seja!
Feliz olhar novo!
(Adaptado para o ano de 2009/2010. O texto original foi escrito em 2005/2006.)

19 de dezembro de 2009

NATAL!!!!!!

Pra mim, o Natal tem um significado muito profundo e a preparação para ele deve ser, primeiro, interna.
Os enfeites da casa vem depois, externando o que tá lá no coração.
Mas aqui está a decoração natalina da minha casa!
No jardim, a arvorezinha enfeitada com estrelas douradas, durante o dia....
....e iluminada à noite!!!
A tradicional árvore de Natal, com bolas vermelhas e douradas.....
E os anjos de metal, da Raízes da Arte, que são permanentes na minha decoração.
Os Presépios são obras das "Marias Artesãs" e eu acho eles lindos, assim como o anjo de palha.
E o meu vasinho de pimenta!!!!!! Ele está lindo!!!!! E pelas cores, verde e vermelho, acaba se integrando à decoração de Natal.....
FELIZ NATAL A TODOS!!!!!!!

PROJETO "AS MARIAS ARTESÃS"

Patos de Minas é a "Capital Nacional do Milho". A Festa Nacional do Milho é conhecida nacionalmente e atrai milhares de pessoas entre turistas e empresários do agronegócio.
A festa é maravilhosa, de uma riqueza cultural imensa!!
O Sindicato dos Produtores Rurais faz um trabalho muito legal, não só direcionado para a época da festa. Um projeto lindo é "AS MARIAS ARTESÃS", idealizado e coordenado pela querida Marialda Cury, pessoa de um talento único e um coração enorme. As Marias, que encanto!!!!! Trazem a arte nas mãos e esperança no coração. Elas tem trabalhos lindíssimos!!!!! Hoje estou colocando só algumas fotos, mas essa semana eu vou lá e depois eu posto todas as fotos.
Se quiserem mais, é só passear pelo endereço:
Flores de palha
Artesanato com capim
Mini Presépios

Mudanças

Em 2008, visitando a XX Feira Nacional de Artesanato, no Expominas em Belo Horizonte, um stand chamou minha atenção de modo especial. Eram os trabalhos da Simone Oliveira, de Carangola / MG.
Ela trabalha com filtros de café e faz luminárias lindas!!! Eu comprei dois pequenos pendentes para colocar na minha varanda. Achei o trabalho fantástico, mas dei azar na escolha do modelo, pois escureceu muito a varanda! Deixei os pendentes guardados, já imaginando a reforma da minha área externa, mas um dia, resolvi usá-los de outro jeito.
Há tempos estou querendo dar uma repaginada no meu quarto. A cama já comprei. Já estou pintando preparando um quadro para a parede e a mesinha de cabeceira será lixada e encerada.
Quero também colocar uma peça só em pátina provençal, talvez uma cômoda, ainda estou decidindo, mas, de repente, olhei para o abajour.....
E me lembrei do pendente que estava guardado. E depois de algumas adaptações, ele ficou de roupa nova!!! Ainda falta um acompanhamento pra ele e eu já tenho algo na cabeça. Quero incorporar um pouco de cor para alegrar o ambiente.
Mas gostei muito do resultado. Estou entrando de férias e já estou com muito trabalho pela frente. Logo, logo estarei postando as fotos do quarto pronto!!!
Agora, abaixo estão algumas peças da Simone e pra conhecer mais sobre o trabalho dela o endereço é www.simoneoliveira.com.br

10 de novembro de 2009

ARTE MINEIRA

Acho que coisas bonitas devem ser registradas e mostradas. Essas telas são de um amigo, Léo Maciel. Ele é artista plástico em Belo Horizonte e tem trabalhos muito bonitos. Dá pra conhecer melhor o trabalho dele aqui http://leomaciel.arteblog.com.br/
Dias atrás estive na casa dele e aqui estão algumas telas que estavam lá e eu fotografei, com autorização dele, é claro.
Eu gosto muito dessas telas. Acho super alegres!!
Muito lindos esses oratórios também!!! Esse primeiro está na minha casa. Foi meu irmão que fez e a pintura é do Léo.
Esse aqui está na casa dele mesmo.
Lindos trabalhos, né? Pois é, eu adoro esse último oratório.